Home /

Article

Arquivos / 73 post/s encontrados

filmes-com-adam-sandler-blog

10 filmes com Adam Sandler que não pode perder

by Marta Reis
Adam Sandler é um dos atores mais reconhecidos do Mundo actualmente. Este sucesso do ator norte-americano deve-se sobretudo à sua capacidade de produzir filmes cómicos, que de certa forma ajudaram a reescrever o género. Tendo, como muitos dos seus colegas, começado a sua carreira como comediante a fazer stand-up e alguns papéis televisivos (nomeadamente em The Cosby Show e depois Saturday Night Live), a verdade é que conseguiu ir mais longe, pois além de representar também escreve e produz muitos dos seus filmes.

Camille Claudel: entre a escultura e a loucura

by Marta Reis
Esta reflexão da Marta Reis surge no seguimento da sua ntervenção sobre a abordagem cinematográfica de Camille Claudel, no 1º Seminário Arte e Psiquiatria, ocorrido no Centro Hospitalar Conde de Ferreira (Porto). Neste post, a Marta analisa 3 filmes que retratam a vida da escultora francesa: “A Paixão de Camille Claudel” (1988), de Bruno Nuytten; “Camille” (2011), de Carme Puche e Jaime García; e “Camille Claudel 1915” (2013), de Bruno Dumont.
ir ao cinema

Uma reflexão sobre a magia e a emoção de ir ao Cinema

by Marta Reis
A minha primeira memória de ida ao cinema é de ir com o meu pai ver o filme Fantasia (1940), de Walt Disney. Foi uma experiência desastrosa. Apesar da paciência e boa vontade do meu pai, eu tive pavor do filme e insisti que ele me levasse para fora da sala e do edifício. Foi a única vez que eu saí da sala de cinema a meio de um filme. Tinha cinco anos.

Rough Aunties: documentário de observação de excelência

by Marta Reis
Não é possível ignorar o trabalho da realizadora Kim Longinotto uma das realizadoras da atualidade cujo trabalho mais me tocou, “reconhecida internacionalmente pelos seus pungentes retratos e pelo seu sensível e apaixonante tratamento de tópicos difíceis” (citando Zero em Comportamento – Associação Cultural).
agnès varda

Já conhece Os Respigadores e a Respigadora de Agnès Varda?

by Marta Reis
Em Os Respigadores e a Respigadora, Agnès Varda é a Respigadora que, testando pela primeira vez uma câmara digital, filma e vai coleccionando as imagens que os outros não querem ver. Os Respigadores e a Respigadora como muitos outros filmes mais marginais, explora novas combinações entre o género documental e ficcional, usufruindo das facilidades proporcionadas pelas pequenas câmaras.

Timecode: como fazer cinema de maneira diferente

by Marta Reis
O filme Timecode de Mike Figgis é um achado. Este é um filme acerca da pré-produção de um filme, tendo por base os romances que acontecem entre os envolvidos no meio. No fim é pronunciado o objectivo primordial: a necessidade de inovar no cinema, explorar e encontrar novos caminhos, quebrando barreiras na edição.

The Matrix: um exemplo notável da força do cinema digital

by Marta Reis
O filme The Matrix (1998) realizado por The Wachowskis, é um marco na arte cinematográfica por utilizar técnicas nunca antes usadas. A primeira vez que vi o filme a narrativa pareceu-me um pouco insípida (claro que não tecnicamente), mas num segundo visionamento, mais atento aos pormenores, gostei muito mais.