Home / Cinema /

Conheça o cartaz de Outubro 2017 do Cineclube do Porto

Conheça o cartaz de Outubro 2017 do Cineclube do Porto

 

Em Outubro de 2017 o Cineclube do Porto volta à sua programação regular na Casa das Artes, com filmes dedicados a ARTISTAS de vários géneros.

O mês tem início com o filme de Jon Nguyen, Rick Barnes e Olivia Neergaard-Holm sobre David Lynch onde descobrimos mais do que um cineasta um artista complexo e fascinante. PAULA REGO, HISTÓRIAS & SEGREDOS dá-nos a conhecer a luta para o sucesso de uma das maiores artistas portuguesas.

Recebemos também o filme de Wim Wenders sobre a coreógrafa Pina Bausch e o documentário de Miguel Gonçalves Mendes sobre José Saramago e a sua história de amor com Pilar del Rio.

Na ficção poderá ser visto NERUDA, o filme que Pablo Larraín fez sobre o poeta Pablo Neruda, e MR. TURNER de Mike Leigh, um filme que versa sobre o pintor britânico J.M.W. Turner e as suas relações.

A fechar o mês exibimos o filme sobre Vincent Van Gogh, uma animação inteiramente feita com pinturas a óleo.

As sessões regulares do Clube Português de Cinematografia – Cineclube do Porto têm lugar na

SALA HENRIQUE ALVES COSTA @ CASA DAS ARTES

Rua de Ruben A. 210

4150-639, Porto, Portugal

Conheça a programação de Outubro do Cineclube do Porto em detalhe

 

Quinta-feira, 5 de outubro | 21h30

DAVID LYNCH: THE ART LIFE – A VIDA ARTE

Jon Nguyen, Rick Barnes e Olivia Neergaard-Holm

EUA | 2016 | DOC | 88′ | M/16

Com imagens de arquivo e entrevistas realizadas ao longo de vários anos, os realizadores Jon Nguyen, Rick Barnes e Olivia Neergaard-Holm levam o espectador numa “viagem íntima” ao universo de David Lynch, um dos mais icónicos artistas da sua geração. O seu percurso pessoal e profissional, desde a infância em Missoula (no Estado norte-americano do Montana) às ruas de Filadélfia, onde frequentou a Academia de Belas Artes da Pensilvânia, ou, um pouco mais tarde, a Los Angeles, onde iniciou a carreira cinematográfica.

 

Sábado, 7 de outubro | 18h00

PAULA REGO, HISTÓRIAS & SEGREDOS

Nick Willing

REINO UNIDO | 2016 | DOC | 90′ | M/12

Conhecida por ser muito ciosa da sua privacidade, Paula Rego revela-se pela primeira vez neste filme, surpreendendo o seu filho, o cineasta Nick Willing, com histórias e segredos da sua vida excepcional, uma vida de luta contra o fascismo, um mundo da arte misógino e a depressão.

Nascida em Portugal, um país sobre o qual o pai lhe disse que não era bom para as mulheres, Rego usou as suas imagens poderosas como uma arma contra a ditadura antes de se estabelecer em Londres, onde continuou a abordar questões sobre a situação da mulher como o direito ao aborto. Mas, acima de tudo, as suas pinturas são um vislumbre críptico sobre um mundo íntimo de tragédia pessoal, fantasias perversas e verdades constrangedoras.

Nick Willing combina um grande arquivo de filmes caseiros e fotografias de família com entrevistas que percorrem 60 anos de vida e imagens de Rego a trabalhar no seu estúdio. E o resultado é um poderoso retrato pessoal da vida e obra de uma artista cujo legado vai sobreviver ao tempo, ilustrado visualmente em pastel, carvão e tinta a óleo.

 

Quinta-feira, 12 de outubro | 21h30

PINA

Wim Wenders

AL/FR | 2010 | DOC | 100′ | M/6

 

Pina é um filme para Pina Bausch de Wim Wenders, com o Tanztheater Wuppertal, sobre a obra única da extraordinária coreógrafa alemã que morreu em 2009. É uma viagem sensual e deslumbrante através das coreografias dançadas no palco e em locais da cidade de Wuppertal – cidade que durante 35 anos foi a casa e o centro de criatividade de Pina Bausch.

 

Quinta-feira , 19 de outubro | 21h30

NERUDA

Pablo Larraín

CHILE/FR| 2016 | FIC | 108′ | M/16

1948, a Guerra Fria estendeu-se até ao Chile. No Congresso, o senador Pablo Neruda critica abertamente o governo. O presidente Videla exige a sua destituição, e confia ao temível inspetor Óscar Peluchonneau a responsabilidade de deter o poeta. Neruda e a esposa, a pintora Delia del Carril, não conseguem sair do país e são obrigados a esconder-se. Ele espicaça o inspetor, deixando-lhe pistas voluntariamente, de forma a tornar a perseguição ainda mais íntima e perigosa. Neste jogo do gato e do rato, Neruda aproveita a ocasião para se reinventar e tornar-se um símbolo da liberdade e uma lenda literária.

 

Sábado, 21 de outubro | 18h00

JOSÉ E PILAR

Miguel Gonçalves Mendes

ESP/SUE/FIN/POR/BRA | 2010 | DOC | 128′ | M/12

Um documentário realizado por Miguel Gonçalves Mendes sobre o escritor José Saramago, falecido a 18 de Junho de 2010: a sua vida, as suas viagens, a sua relação de amor com Pilar del Río, sua companheira até ao fim da vida. Filmado entre 2006 e 2009, com a criação do romance “A Viagem do Elefante” como pano de fundo, mostra o quotidiano de um dos mais importantes escritores contemporâneos, na sua relação com Pilar, o público e a vida.

 

Quinta-feira, 26 de outubro | 21h30

TURNER

Mike Leigh

GB | 2014 | FIC | 149′ | M/12

Profundamente afetado pela morte do pai, amado por uma governanta que ele praticamente ignora e ocasionalmente explora sexualmente, Turner estabelece uma estreita relação com uma proprietária de uma pensão à beira-mar com quem vive incógnito em Chelsea, onde acaba por falecer. Ao longo destes anos, ele viaja, pinta, frequenta a aristocracia, visita bordéis, torna-se um artista estimado embora um pouco indisciplinado da Royal Academy of Arts, prende-se ao mastro de um navio para poder pintar uma tempestade, e é ao mesmo tempo reconhecido e desprezado pelo público e pela realeza.

 

Sábado, 28 de outubro | 18h00

A PAIXÃO DE VAN GOGH

LOVING VINCENT

Dorota Kobiela e Hugh Welchman

PL/UK | 2017 | FIC | 90′ | M/14

LOVING VINCENT é o primeiro filme do mundo totalmente pintado à mão. Uma investigação à vida e controversa morte de Vincent Van Gogh, contada através das suas pinturas e dos que com ele privaram. Joseph Roulin é o carteiro que Van Gogh pintou e com quem estreitou amizade. Não se convencendo da teoria do suicídio do pintor, envia o seu filho Armand entregar a última carta que o artista havia dirigido ao irmão, Theo. Ainda que resignado, Armand parte em missão. Quando descobre que o irmão tinha morrido pouco depois de Vincent, começa uma série de encontros com as várias personagens que cruzaram a vida do artista antes dele morrer. Quanto mais pessoas ouve, mais a teoria do suicídio lhe parece infundada. A quem poderá ele entregar a carta, quando todos parecem culpados da morte do pintor?

 

Partilhar este artigo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *