Home / Atores /

Até sempre Comandante Martin Landau: o especialista em disfarces

Martin Landau

Até sempre Comandante Martin Landau: o especialista em disfarces

Storymate

Martin Landau, ficou conhecido pelas suas interpretações em filmes como NORTH BY NORTHWEST; e em séries de televisão, como MISSION: IMPOSSIBLE, ou SPACE: 1999.

Mas Martin Landau foi um profícuo ator e deixa-nos quase 200 interpretações de grande qualidade, muitas delas em séries televisivas, que poderemos rever sempre quisermos.

Esta é a nossa homenagem a este grande ator norte-americano que irá ficar patente no imaginário coletivo como o último Comandante da Base Lunar Alfa e também como o Homem das Mil Caras!

Martin Landau e o Cinema

Nascido em Brooklyn (Nova Iorque) a 20 de junho de 1928, Landau trabalhou no design do New York Daily News antes de começar a carreira de ator. Influenciado pela obra de Charlie Chaplin, fez a sua estreia na Broadway em 1957 e o primeiro papel importante no cinema chegou em 1959 com NORTH BY NORTHWEST (“Intriga Internacional”), de Alfred Hitchcock.

Martin Landau será também recordado pelas interpretações em TUCKER: THE MAN AND HIS DREAM (“Tucker: O homem e o seu sonho”), de Francis Ford Coppola, em 1988; e CRIMES AND MISDEMEANORS (“Crimes e Pecados”), de Woody Allen, em 1989.

Vencedor de inúmeros prémios, Martin Landau alcançou o Óscar de Melhor Ator Secundário (1995) com a sua interpretação de Bela Lugosi no filme de Tim Burton ED WOOD (1994).

O meu Martin Landau

O meu Martin Landau foi Rollin Hand, o especialista em disfarces, na série de televisão dos anos 60 MISSION: IMPOSSIBLE; e também o comandante John Koenig na série televisiva dos anos 70 SPACE: 1999.

A série MISSION: IMPOSSIBLE (“Missão: Impossível”) original está, sem dúvida, no meu top de série preferidas de sempre. Não sou fã de séries ou filmes de ficção científica mas acompanhei toda a série televisiva britânica SPACE: 1999 (“Espaço: 1999”).

Ainda pequena lembro-me como esperava pelo começo dos episódios de ambas as séries com bastante impaciência. Guardo com carinho a lembrança de ver estas duas séries, na televisão, na companhia da minha mãe.

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
AdobeStock

Partilhar este artigo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *