Home /

Article

Arquivos / 225 post/s encontrados

aniki-bóbó

Aniki Bóbó: crianças junto ao Douro como metáfora à vida

by Eduardo Aranha
A primeira longa-metragem de Manoel de Oliveira recorre à linguagem infantil e inocente das crianças para abordar temas como a morte e a vida, quebrando na altura (e ainda hoje) certas convenções. Como veio mostrar ao longo da sua longa carreira cinematográfica, Manoel de Oliveira não teve medo de ser “diferente”, mesmo que a audiência não o aplaudisse como era merecido.
realizadores

Descubra o primeiro filme de 10 realizadores emblemáticos

by Eduardo Aranha
Antes da fama todos têm de começar por algum lado, mesmo que no início não seja fácil encontrar o sucesso. Para os realizadores de cinema, esta não foi uma realidade muito diferente. Numa tentativa de homenagear alguns dos nossos realizadores favoritos, viajamos ao passado para investigar quais foram os seus primeiros filmes.
anna karenina

Anna Karenina: um teatro em versão cinematográfica

by Eduardo Aranha
Um retrato da aristocracia russa no fim do século XIX, Anna Karenina mostra-nos o intenso romance adúltero de Anna, uma mulher presa a um casamento infeliz, casada com uma das figuras mais importantes da Rússia Czarista. Quando conhece o Conde Vronsky, ambos são arrebatados por um romance épico que não é bem visto aos olhos da sociedade.
filme brasileiro

Chegada do Trem em Petropólis foi o 1.º filme brasileiro

by Eduardo Aranha
Vários especialistas cinematográficos consideram que o filme Chegada do Trem em Petropólis (1897) foi de facto o primeiro filme brasileiro, exibido publicamente com um conjunto de outros filmes, como Ancoradouro de Pescadores na Baía de Guanabara e Bailado de Crianças no Colégio, no Andaraí. Saiba mais sobre este filme e sobre o homem que os realizou.
fatos-reais

10 factos reais do cinema que provavelmente desconhece

by Eduardo Aranha
Neste post recuamos no tempo e revisitamos alguns dos clássicos que o cinema trouxe à vida. Não falamos, no entanto, daquilo que já todos sabem. Pelo contrário, decidimos mostrar-lhe alguns fatos reais de que provavelmente nunca ouviu falar mas que asseguradamente aconteceram. Está pronto para testar o seu conhecimento sobre cinema? Então leia até ao fim.
javier bardem

Os 10 melhores papéis interpretados por Javier Bardem

by Eduardo Aranha
Javier Bardem é um nome bem conhecido do cinema e não, não só do cinema espanhol. A sua representação camaleónica fê-lo passar dos ecrãs espanhóis para as grandes telas do cinema americano. Neste post, decidimos por isso honrar o ator espanhol, apresentando aquelas que consideramos serem as 10 melhores performances de Javier Bardem no grande ecrã.
filme português

Alguma vez assistiu ao 1.º filme português?

by Eduardo Aranha
Em Portugal, a chegada do cinema deu-se no ano de 1896. A primeira filmagem foi da autoria de Aurélio Paz dos Reis, um comerciante natural da cidade do Porto, que, inspirado pela ideia dos irmãos Lumiére, decidiu filmar A Saída do Pessoal Operário da Fábrica Confiança.
star wars

Como decidi dar uma segunda hipótese a Star Wars

Recentemente, com todas as notícias que andam a circular sobre o episódio VII de Star Wars, que chegará aos ecrãs em dezembro de 2015, o bichinho do entusiasmo voltou a atacar e decidi dar uma segunda oportunidade à saga. De novo, voltei a pegar no Episódio I de Star Wars e eis então o que achei desta minha 2.º tentativa pelo universo de Star Wars.
filme cómico

Já conhece o 1.º filme cómico da História do Cinema?

by Eduardo Aranha
O filme L’Arroseur Arrosé (ou em português O Regador Regado) é considerado de forma unânime como o primeiro filme cómico, ou seja, realizado propositadamente para despertar gargalhadas entre a audiência. Com a assinatura dos irmãos Lumiére, este filme de 1895 conta com apenas 49 segundos e mostra uma cena caricata do dia-a-dia.
The Bucket List

The Bucket List: um filme sobre o cancro e a velhice

by Eduardo Aranha
No filme The Bucket List, lançado de 2007, é transposta para o grande ecrã a história de dois homens com cancro do pulmão em fase terminal. Juntos, decidem começar uma viagem pela estrada com o objetivo de cumprir todos os desejos de uma lista (a bucket list), antes que ambos ‘kick the bucket’ (expressão idiomática que significa morrer).
horas

As Horas: um dia na vida de três mulheres em tempos diferentes

by Eduardo Aranha
Se quisesse resumir o filme numa frase, bastava-me dizer que é sobre uma mulher que escreve uma história, uma mulher que a lê e uma mulher que a vive. Mas há muito mais em As Horas. Eventualmente, a vida das três mulheres cruza-se subtilmente e as personagens, mesmo que afastadas pelo tempo, partilham fardos relacionados com a efemeridade da vida e a mortalidade.