Home / Archives /

Clássicos do Cinema

Clássicos do Cinema / 28 posts encontrados

Henry Thomas: o ator por detrás do miúdo do E.T.

by Goreti Teixeira
Henry Thomas ficará sempre conhecido na história do cinema como o protagonista de E.T., de Steven Spielberg. No ano em que passaram 25 anos sobre a sua realização, a direcção do Fantasporto convidou o ator para falar sobre a sua carreira e a competitividade na Sétima Arte. Recordo neste artigo uma entrevista que tive a oportunidade de lhe fazer por essa altura, em 2007, e onde desvenda um pouco mais sobre si.

Edward Scissorhands: a intemporalidade da estranheza humana

by Tiago Leão
Edward Scissorhands (em português, Eduardo Mãos-de-Tesoura) é um clássico de Tim Burton, lançado no ano de 1990. O filme baseia-se no livro com o mesmo nome de Caroline Thompson, e conta a história de um monstro de aspeto humano com tesouras no lugar das mãos. Edward Scissorhands é interpretado por Johnny Depp, sendo que é este o filme que marca o início de uma série de colaborações entre o ator e o realizador.

10 Filmes sobre adolescência que fizeram sucesso nos anos 80

by Tiago Leão
John Hughes, um dos realizadores nesta lista, chegou mesmo a dizer que "muitos cineastas retratam os adolescentes como imorais ou ignorantes, com objetivos demasiado básicos… Mas eu não achei que esse fosse o caso. Eu ouvi os miúdos, respeitei-os… alguns são tão brilhantes como qualquer adulto que já tenha conhecido".
melhor filme

O melhor filme de cada ano da última década

by Eduardo Aranha
Conseguir ver todos os filmes que saem num ano acaba por ser impossível para todos nós. Nesse sentido, decidimos reunir neste post uma lista do melhor filme de cada ano da última década para que se mantenha atualizado. Assim, sempre que tiver um tempo livre e quiser ver um filme novo, consulte esta lista. Prepare as pipocas e boa sessão!
fracassos do cinema

10 filmes que inicialmente foram considerados fracassos

by Eduardo Aranha
Neste post, apresentamos-lhe uma lista de 10 filmes que, na altura em que foram lançados, passaram entre os pingos da chuva. Embora a maioria esteja longe de ser considerada um sucesso de bilheteira, a verdade é que o contributo deixado é maior do que qualquer valor monetário. Continue a ler e descubra grandes obras cinematográficas que inicialmente foram consideradas fracassos.

O Cinema é a Vida em Movimento?

by Gonçalo Sousa
A palavra cinema deriva do termo grego ‘Kinema’, que significa movimento. Esta denominação foi escolhida para designar a arte de produzir imagens em movimento após a construção do cinematógrafo pelos irmãos Lumiére. Mas este foi apenas um dos diversos equipamentos desenvolvidos no século XIX capazes de registar fotograficamente imagens sucessivas numa velocidade superior ao tempo da persistência retiniana.

Pulp Fiction: o êxito da cultura pop que ainda continua fresco

by Tiago Leão
“Pulp (polpa, pasta): 1. Uma mistura ou massa macia, húmida, sem forma. 2. Uma revista ou livro de literatura tétrica, impresso propositadamente em papel rugoso e inacabado”. A definição é do American Heritage Dictionary e é com ela que começa Pulp Fiction, um filme de Quentin Tarantino que está tão bem no grande ecrã como estaria num sonho ou numa revista do estilo noir do início do século XX.

The Matrix: um exemplo notável da força do cinema digital

by Marta Reis
O filme The Matrix (1998) realizado por The Wachowskis, é um marco na arte cinematográfica por utilizar técnicas nunca antes usadas. A primeira vez que vi o filme a narrativa pareceu-me um pouco insípida (claro que não tecnicamente), mas num segundo visionamento, mais atento aos pormenores, gostei muito mais.
star wars

Como decidi dar uma segunda hipótese a Star Wars

Recentemente, com todas as notícias que andam a circular sobre o episódio VII de Star Wars, que chegará aos ecrãs em dezembro de 2015, o bichinho do entusiasmo voltou a atacar e decidi dar uma segunda oportunidade à saga. De novo, voltei a pegar no Episódio I de Star Wars e eis então o que achei desta minha 2.º tentativa pelo universo de Star Wars.