Home / Atrizes /

A dança de Charlize Theron até Hollywood

A dança de Charlize Theron até Hollywood

 

Charlize Theron tem dado provas de que é mais do que uma cara bonita. Nascida no dia 7 de Agosto de 1975, em África do Sul, Charlize Theron viveu os seus primeiros anos de vida na fazenda dos seus pais, nos limites de Joanesburgo. Foi aí que desenvolveu uma paixão evidente pela dança. Os pais, que reconheciam nela um certo talento para a expressão artística, puseram-na em aulas de ballet e alimentaram este interesse que a jovem Charlize tinha.

Porém, a infância de Charlize Theron não foi propriamente feliz. O pai, Charles,  lutava constantemente contra um grave problema de alcoolismo e tornou-se a partir de certo ponto fisicamente abusivo. Quando Charlize tinha 15 anos, o progenitor terá atacado violentamente a filha e a mãe levando Gerda, a mãe de Charlize, a pegar numa arma para disparar em auto-defesa contra o marido. Esta morte traumática – camuflada durante anos como um acidente de automóvel – abalou mãe e filha.

Anos mais tarde, o futuro começa-se a abrir para Charlize: aos 16 anos, ganha um concurso de modelos em Joanesburgo e viaja para Itália, onde ganha a competição internacional New Model Today e se lança numa carreira de modelo. Ao fazer 18 anos, muda-se para Nova Iorque para voltar a calçar os sapatos de ballet e tentar uma carreira na dança, como sempre sonhou fazer.

Charlize Theron e o ‘monstro’ que lhe deu um Óscar

Eventualmente, Charlize opta por seguir uma carreira no Mundo do Cinema e muda-se assim para Los Angeles para procurar novas oportunidades. Apesar de ser reconhecida pela sua beleza e talento, Charlize tinha no entanto um entrave: o seu sotaque Afrikaner que se assumia como uma barreira para receber papéis com diálogo. Determinada a superar esta falha, passou horas a ver televisão e a treinar a sua fala para ocultar o sotaque.

Em 1994, depois de assinar contrato com o agente John CrosbyCharlize Theron começa então a conseguir pequenos papéis em filmes como  Children of the Corn III (1995) e, pouco depois, partes maiores  nos filmes 2 Days in the Valley (1996) e That Thing You Do! (1996). Em 1997, entra então em The Devil’s Advocate (1997) onde contracena com Al Pacino e Keanu Reeves.

Em 1999, a carreira de Theron começa a crescer. Nesse ano, interpretou uma série de papéis em filmes notáveis como The Astrounat Wife e Cider House Rules. No entanto, foi o seu desempenho no filme Monster – um filme biográfico sobre a serial killer norte-americana Aileen Wuornos – que lhe valeu a fama pela qual é hoje conhecida, assim como um Óscar na categoria de Melhor Atriz em Papel Principal.

 

Depois de interpretar Britt Ekland no filme A Vida e Morte de Peter Sellers (2004), Theron participa noutro drama: North Country com Sissy Spacek e Frances McDormand. O seu retrato de uma mineira que luta contra o assédio sexual no local de trabalho volta a garantir-lhe nomeações para os Globos de Ouro e os Óscares. No mesmo ano, participa ainda na adaptação para o grande ecrã do desenho animado de culto da MTV, Aeon Flux.

Com vários outros filmes no seu currículo, Charlize Theron entra mais tarde em Hancock com Will Smith e na versão cinematográfica de The Road, o célebre livro apocalíptico de Cormac McCarthy.

Mais recentemente, a atriz assumiu a papel de Rainha Má no filme Branca de Neve e o Caçador e O Caçador: a Guerra de Gelo e vestiu ainda a papel de Furiosa, no filme Mad Max: Fury Road, onde contracenou com Tom Hardy. Em 2015, protagonizou também o filme Dark Places – onde veste a pele de uma mulher que foi marcada pelo assassinato de toda a sua família quando era criança.

Além de seus papéis no cinema, Charlize Theron também tem apoiado várias causas sociais e consolidado a sua posição como ativista social. Em 2008, foi homenageada pelas Nações Unidas  ao tornar-se na décima mensageira da paz da ONU. A atriz também faz parte do Fundo Global, uma instituição dedicada à luta contra a SIDA, a tuberculose e a malária.

 

Partilhar este artigo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *