Home / Marketing de cinema /

Indústria de Jogos assume silenciosamente o domínio do Entretenimento

Indústria de Jogos assume silenciosamente o domínio do Entretenimento

    

Quando alguém menciona a indústria do entretenimento, a maioria das pessoas pensa em filmes e música. Sim, é um facto que imensas pessoas assistem aos Oscars, Grammys, Globos de Ouro, MTV Video Music Awards, BRIT Awards, entre outros grandes certames do género. E também é verdade que existe muito brilho e glamour nas indústrias de cinema e música.

Mas você ficaria surpreendido ao saber que estas duas indústrias não são os setores de maior rendimento no entretenimento? De fato, os mercados dos filmes e da música juntos nem sequer correspondem à metade da receita que a indústria de videogames tem obtido na última década.

De acordo com números publicados pelo site de cassino online Betway, o negócio de videogames agora é maior do que as indústrias cinematográfica e musical juntas, tornando-se assim a mais importante indústria de entretenimento do Mundo.

Em 2019, estima-se que o mercado global de jogos gerou US $ 152,1 bilhões angariado através dos 2,5 bilhões de jogadores em todo o mundo! Em comparação, o setor global de bilheteira de filmes ascendeu aos US $ 41,7 bilhões, enquanto as receitas globais da música atingiram US $ 19,1 bilhões em 2018.

Considere o melhor filme de sucesso até hoje, Vingadores: Ultimato. Quando estreou em 16 de abril, arrecadou mais de US $ 858.373.000 durante o fim de semana de abertura. Até superou Vingadores: Guerra Infinita do ano passado, que gerou US $ 678.815.482 em receita bruta.

Mas, embora esses filmes recebessem tanta atenção e entusiasmo do público em geral, eles não conseguiram superar o lançamento de entretenimento com maior rendimento da história: o lançamento do videojogo Grand Theft Auto V em 2013, que faturou US $ 1 bilhão em pouco mais de três dias!

Afinal, brilho e glamour não se traduzem diretamente em lucros maiores. Confira no excelente infográfico apresentado no blog da Betway outros aspectos super relevantes que demonstram como a indústria de jogos supera largamente as indústrias de filmes e música!

Powered by Betway

O impulso do smartphone no mercado de videojogos

O setor de videogames pode ser classificado em 3 categorias principais: jogos para PC, celular e consola.

Os jogos para celular, que incluem jogos para smartphones e tablets, são o maior segmento, respondendo por US $ 68,5 bilhões da receita total estimada em 2019, representando um aumento de 10,2% em relação a 2018.

 

Estima-se que os jogos de consola gerem US $ 47,9 bilhões em receitas, um aumento de 13,4% em relação ao ano passado, enquanto os jogos de PCs ganham US $ 35,7 bilhões, um aumento de 4%.

Por outro lado espera-se que os jogos para dispositivos móveis ocupem 59% do mercado mundial de videogames até 2021, enquanto os de consola e PC terão 22% e 19%, respectivamente.

Claramente, os jogos para dispositivos móveis percorreram um longo caminho desde o seu nascimento em 1997, quando o viciante Snake foi pré-instalado em mais de 400 milhões de telefones Nokia.

Embora os jogos para celular tenham sido interrompidos por vários anos, quando a tendência voltou para o que era conhecido como “guerra de consolas”, ao longo dos anos, o desenvolvimento do smartphone, juntamente com os avanços na internet e conectividade, abriu o caminho para mais empolgantes experiência de jogo com o RPG (role-playing game) e o MMORPG (massivamente multiplayer online de role-playing game), tornando-se mais acessíveis aos telefones móveis.

Outro factor importante do crescimento foi a implantação do e-sports. Longe vão os dias em que um videojogo era apenas uma atividade para passar o tempo. A ascensão do e-sports mudou drasticamente o cenário, aumentando a cultura de jogos de uma comunidade de nicho para o que é agora um desporto de espectadores que traz diferentes canais de geração de lucro, merchandising, eventos ao vivo, serviços de streaming, publicidade online e até marcas. Tornou-se um fenómeno internacional, literalmente levando o jogo ao centro do palco com uma audiência global muito maior.

Embora o e-sports seja agora uma indústria de bilhões de dólares, poucas empresas de mídia de massa estão a cobrir o seu crescimento e expansão. No entanto, não há dúvida de que o e-sports está a contribuir amplamente para o crescimento exponencial da indústria de videogames, assumindo silenciosamente o mundo do entretenimento.

Assim, jogar não é mais apenas um hobby, e descrevê-lo como um nicho de mercado é um eufemismo. É uma indústria em expansão, com amplo espaço para crescimento. E com a inovação contínua e o lançamento de mais ofertas de jogos, podemos apenas imaginar um futuro muito brilhante para a indústria de jogos. O rápido aumento da tecnologia levará a indústria a outros domínios, como jogos na nuvem, jogos de realidade virtual (VR) e jogos de realidade aumentada (AR).

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
 

Partilhar este artigo

Comentários

  • Avatar
    21 July, 2020

    Gonçalo, faço de suas palavras as minhas , sou maravilhado com a sétima arte e curto Cinema desde que me conheço por gente , 75 porcento da minha cultura é pautada no cinema !. Então vamos agradecer a Deus pelas oportunidades que o Cinema nos dá !!.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *