Home / Clássicos do Cinema /

8 filmes que têm o piano como protagonista

piano

8 filmes que têm o piano como protagonista

by Eduardo Aranha

Apareça onde aparecer, o piano é um instrumento musical de cordas com um design muito próprio que, mal surge no ecrã, capta o olhar do espectador e também o seu ouvido. Os sons únicos que produz são alcançados através das cordas estimuladas pelo mecanismo que compõe o instrumento e que, por sua vez, é ativado através do teclado preto e branco onde o pianista faz toda a música.

Mas uma vez que este não é o blog Mundo de Músicas mas sim o Mundo de Cinema, procuramos alguns filmes onde o piano seja protagonista, ou perto disso. Nos parágrafos que se seguem recordamos 8 dos melhores filmes onde o piano assume um papel fulcral para o desenrolar da história.

8 filmes que têm o piano como protagonista

Tirez sur le pianiste (1960)

shoottheplayer

Em 1960, o realizador François Truffaut apresentou-nos uma história fascinante no seu filme onde um pianista,  o conhecido e famoso Charles Aznavour, é colocado em perigo de morte depois de ajudar os seus irmãos a escapar de um bando de gangsters. O próprio nome do filme Tirez sur le pianiste (Atirem no Pianista) prova mesmo a importância que o piano tem para o desenrolar do filme.

Five Easy Pieces (1970)

five-easy-pieces

O trabalhador de um posto de exploração de petróleo, nos Estados Unidos, regressa à sua terra natal quando sabe que o seu pai está a morrer. Na sua viagem a casa, Robert Dupea (que é aqui vivido por Jack Nicholson) recorda momentos da sua infância e é confrontado com uma realidade diferente daquela em que vive. Além do mais, a sua ambição de se tornar um pianista reemerge. Jack Nicholson recebe uma nomeação para os Óscares pela sua interpretação.

Amadeus (1984)

amadeus

Neste importante filme da indústria cinematográfica acompanhamos a vida turbulenta de um dos maiores génios musicais de sempre: Wolfgang Amadeus Mozart ( interpretado por Tom Hulce). A história, porém, é contado pela perspetiva do conhecido rival de Mozart, o maestro Salieri (F. Murray Abraham) que, sabendo que não tem o talento de Wolfgang, prepara a queda do compositor austríaco.

The Piano (1993)

the-piano

Este será certamente um dos filmes onde o piano é usado de forma mais emblemática. Em The Piano acompanhamos a história de uma mulher muda, interpretada pela atriz Holly Hunter, que viaja para a Nova Zelândia para casar com um camponês. Quando começa a dar lições de piano a um homem que vive na localidade surge uma paixão pouco provável entre os dois e que, inevitavelmente, nos conduz a uma história sombria e apaixonante, sempre ao ritmo do piano.

Shine (1996)

shine

O filme Shine mostra-nos Geoffrey Rush a vestir a pele de um verdadeiro prodígio musical com especial talento para o piano. Porém, este é um homem atormentado pelo seu próprio pai, uma figura severa e muito exigente. Esta relação entre pai e filho, marcada fortemente pela presença do piano e do que o instrumento significa para os dois, agrava-se quando certos acontecimentos os separam.

The Piano Teacher (2001)

thepianoteacher

Neste filme a atriz Isabelle Huppert retrata uma professora de música muito austera… mas que em segredo tem uma faceta mais perversa. A sua vida dá uma verdadeira reviravolta quando se apaixona por um estudante mais novo e se envolve numa relação tórrida e proibida.

The Pianist (2002)

painist

No filme The Pianist de 2002 o ator Adrien Brody – que venceu o Óscar de Melhor Ator em Papel Principal pela sua prestação neste filme – dá vida a um pianista que vê o seu mundo se totalmente mudado pelos Nazis que ocupavam Varsóvia. Por muito talentoso que seja, este pianista é, no entanto, judeu e sabe que isso significa que os seus dias podem estar contados. Ao esconder-se, espera sobreviver ao holocausto, mas será capaz?

Four Minutes (2006)

fourminutes

Uma criança prodígio, com especial talento para tocar piano, comete uma falha. Essa falha marca-a de tal forma que a personagem envereda para um caminho menos saudável: envolve-se no mundo do crime e acaba atrás de grades. É aí, na prisão, que volta a expressar o seu talento quando encontra uma pianista mais velha, com um passado negro e doloroso, que a orienta para a música novamente.

Share this article

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *